[Parte 1] Gestão de Crises e o Ponto de Virada

Atualizado: Jun 4

Uma Experiência de Mentoria


A convite do Sebrae/RS, tive a oportunidade de compartilhar experiências e aprendizados com um grupo de empresários que buscam formas de enfrentar a crise que estamos vivendo e como fazer o ponto de virada.


A mentoria é uma ferramenta para o desenvolvimento do mentor e do mentorado. Tem como característica ser conduzida por uma pessoa com experiência ou especialista em determinada área ou assunto, que orienta, aconselha, dá referências, faz provocações. E assim, ambas as partes se desenvolvem e crescem.

Compartilho com vocês, os principais aspectos que permearam este trabalho e que poderão contribuir para o seu negócio fazer o ponto de virada.

O ambiente que vivemos apresenta características de um mundo em transformação, que pode ser representado por um acrônimo ou sigla: VUCA. Este termo não é novo, tendo surgido no ambiente militar na década de 90 e mais recentemente veio fazer do meio corporativo.


E qual é o significado deste termo?

Um cenário é volátil quando as mudanças são rápidas e há novidades o tempo todo. A agilidade e volume de mudanças e a forma como elas acontecem, torna muito difícil prever cenários. Cada vez mais é preciso estar pronto para o inesperado. Não existe mais um caminho estruturado. O que fazer neste ambiente?


Ter clareza do propósito e construir uma visão de futuro pós crise. Acredite: o propósito resiste ao tempo e nos dá direção quando todas as outras dimensões do negócio se transformam, incluindo o modelo de negócio.

O grande volume de informações que, não necessariamente, são úteis para compreender o futuro nos traz incerteza. Assim, é preciso quebrar paradigmas pois as soluções que tínhamos podem não ser aplicáveis aos problemas atuais e futuros. Uma Visão nos inspira e ajuda a reduzir a incerteza, a analisar cenários com mais clareza e tomar decisões com mais serenidade.

Uma boa comunicação ajuda a encarar a complexidade e todos aprendem cada vez mais. Tudo está interligado e é afetado com mais intensidade. É preciso investir em agilidade para que as coisas fluam na complexidade.


E por fim, a ambiguidade onde sempre há mais de uma interpretação possível, sem resposta certa ou errada. Comunicação e compartilhamento de conhecimento é a chave para lidar neste contexto. A medida que novas situações e resultados precisam ser interpretados, as decisões devem ser revisadas e atualizadas com frequência. Visões, trocas, experiências práticas podem ajudar muito.

Sobre a Crise - é ocasionada por uma grande mudança temporária. Já vivemos muitas ao longo do tempo e vamos viver outras e a melhor forma de se preparar para isso é de forma preventiva. Claro que a crise atual é singular e muito grave por ser no contexto da saúde, afetando muito a questão econômica também.

Quais as principais dores dos empresários? Compartilho as questões que permearam a mentoria:

Quer saber as respostas? Continua na parte 2 deste artigo.

255 visualizações

Aliar Consultoria Empresarial em Gestão & Inovação/ Rio Grande do Sul

por Rabiscos Ideias Criativas

FALE CONOSCO (54) 9 9982.2448

DESIGN BY RABISCOS IDEIAS CRIATIVAS